Os veículos off-road, sejam motos ou quadriciclos, não possuem placas e também o CRV – Certificado de Registro de Veículo, sendo a Nota Fiscal o documento de propriedade, ou seja, o que comprova quem é o dono de fato do veículo.

Desta forma, para os trilheiros que realizam a compra ou venda de um veículo off-road, é necessário realizar a transferência da Nota Fiscal. Então acompanhe conosco que vamos explicar tudo sobre como transferir moto de trilha.

Aprenda lendo: Como Faço Para Contratar Uma Contabilidade No Barreiro

Qual o documento da moto de trilha?

 

Como falamos acima, os veículos próprios de trilha não possuem o CRV nem emplacamento e por Lei não podem circular por ruas e rodovias, somente em circuitos fechados ou off-road. 

Sendo assim, o documento legal que comprove quem é o dono do veículo é a Nota-fiscal de compra, que deve estar no nome do atual proprietário e ser plastificada. Além disso, também é preciso estar de fácil acesso sempre que o trilheiro sair de casa para evitar problemas com a polícia.  

Confira: Como Transferir Dinheiro Usando WhatsApp Pay?

 

Como faço para transferir a moto de trilha?

Para fazer a transferência da moto de trilha, é necessário que no momento da compra seja feita uma nova Nota Fiscal em nome do comprador, devidamente registrada, para que a transferência da propriedade seja documentada. 

Assim, para transferir a moto de trilha deve ser feita uma NOTA FISCAL AVULSA, emitida do CPF do vendedor, para o CPF do comprador. Essa nota fiscal é eletrônica e pode ser emitida pelo site da Secretaria da Fazenda do Estado.

É necessário estar de posse da Nota Fiscal original da moto de trilha, e dos dados do comprador como nome, CPF e endereço. Na nota fiscal para transferência da moto de trilha deve estar presente toda a descrição da motocicleta, como marca, modelo, ano, cor, cilindrada e o mais importante, número do motor e do chassi.

Aproveite para conferir: O Que Preciso Saber Para Abrir Empresa Em Belo Horizonte?

 

https://www.wsccontabilidade.com.br/abrir-empresa-em-belo-horizonte/ 

Qual o risco de não transferir a nota fiscal de moto de trilha?

Muitos trilheiros não efetuam a transferência da Nota Fiscal da Moto de Trilha e isso pode acarretar diversos problemas ao proprietário do veículo. 

Com isso, ao não realizar a transferência da moto de trilha não existe comprovação documental de que o veículo é realmente seu. 

Isso pode acarretar problemas caso seja abordado por uma viatura policial ou caso esteja simplesmente transportando o veículo. Nesses casos, normalmente a motocicleta é recolhida ao pátio da polícia e só pode ser retirada após a comprovação documental de propriedade. 

Também deve-se ficar atento que isso pode acarretar dificuldades até no momento em que for efetuar a venda da moto de trilha, assim a negociação pode ser prejudicada pelo fato do veículo estar com a nota em nome de um terceiro. 

Também ressaltamos o risco criminal, caso você venda uma moto e não efetue a transferência, se o veículo se envolver em um acidente ou mesmo ser utilizado em um crime, o proprietário presente na nota fiscal pode responder a processo.”

Ajuda profissional para transferir moto de trilha

Caso ainda existam dúvidas, você pode contratar uma ajuda profissional para realizar a transferência de sua moto de trilha, para isso a WSC Contabilidade oferece um serviço especializado, onde faz todo o processo de maneira on-line, com rapidez e praticidade a um preço justo. 

Entre em contato e faça agora mesmo um orçamento para realizar a transferência de sua moto de trilha.